Graduação Pós-Graduação Pesquisa Extensão Biblioteca Intercâmbios Comunicação A FFLCH  
Skip to Content

Imagem

Orientadores, Linhas e Projetos de Pesquisa

A - A TRADUÇÃO COMO TRANSFERÊNCIA CULTURAL: METODOLOGIAS DE PESQUISA, CONSTRUÇÃO DE APORTES TEÓRICOS E PERSPECTIVAS INTERDISCIPLINARES

Descrição: Estudo do fenômeno da tradução enquanto processo de transferência cultural.

Projetos:

Literatura de expressão alemã em tradução brasileira e vice-versa: apresentação e estudo crítico da recepção (Início: 01/01/2013)

Este projeto abarca tanto a apresentação de tradução brasileira, comentada e anotada, para obra literária de expressão alemã inédita no Brasil, quanto o estudo da recepção de obra literária de expressão alemã traduzida ao português do Brasil ou da recepção de obra literária brasileira vertida ao alemão. Em ambos os casos, os trabalhos conjugam aportes teóricos e metodológicos extraídos dos Estudos da Tradução, dos Estudos Culturais e da Teoria Literária.

Docentes:

João Azenha Junior (responsável)
Tinka Reichmann
Juliana Pasquarelli Perez
Pedro Heliodoro Tavares

 

Textos de especialidade em tradução: Condicionantes Históricas, linguísticas e culturais (Início: 01/01/2013)

Neste projeto são realizados estudos das condicionantes de textos de especialidade, tendo em vista suas diversas interfaces com as respectivas áreas de especialidade, culturas, gêneros textuais e convenções linguísticas, e as consequências para a tradução. As bases teóricas e metodológicas são oriundas dos Estudos da Tradução, da Linguística Textual, da Linguística dos Textos de Especialidade e das áreas de especialidade envolvidas, por exemplo, a História, a Psicologia, o Direito ou a área da Saúde.

Docentes:

Tinka Reichmann (responsável)
João Azenha Junior
Pedro Heliodoro Tavares

 

Estudos descritivos, teoria da tradução e filosofia da linguagem: fundamentos e relações mútuas (Início: 01/01/2015)

Este projeto visa explorar as relações entre teoria e prática nos estudos da tradução, em suas mais diversas variantes (escrita, oral ou audiovisual; técnica, literária ou científica etc.). Pano de fundo é a discussão contemporânea sobre a relação entre concepção de linguagem e teorização da prática tradutória concreta. Os aportes teóricos vêm sobretudo dos Estudos Descritivos, da Hermenêutica e da Filosofia da Linguagem, em diálogo com disciplinas como Pragmática, Linguística Textual e Estudos culturais.

Docentes:

Paulo Sampaio Xavier de Oliveira (responsável)
Tinka Reichmann

 

B - GERMANÍSTICA INTERDISCIPLINAR

Descrição: Estudo da literatura alemã a partir de sua relação com disciplinas afins tais como história, filosofia, ciências sociais, comunicações e artes.

Projetos:

Aspectos da ficcionalidade na literatura alemã (Início: 01/01/2013)

Neste projeto analisam-se narrativas em língua alemã com respeito à sua ficcionalidade, com enfoque especial no romance e na escrita autobiográfica, mas também em outros gêneros. Aspectos relevantes são a relação autor – narrador – leitor, a estrutura formal (estrutura narrativa, gestos de fala) e a função cognitiva dos textos.

Docentes:

Helmut Paul Erich Galle (responsável)
Celeste Ribeiro de Sousa
Juliana Pasquarelli Perez

Luciana Villas-Bôas

 

Literatura e mídia (Início: 01/01/2013)

O projeto analisa as construções narrativas em diferentes mídias e manifestações correlatas tais como cinema, pintura, dança, fotografia, entre outras, observando-se o seu diálogo com a literatura. Contempla-se também, nesse sentido, a tradução intersemiótica.

Docente:

Claudia Sibylle Dornbusch (responsável)

 

Literatura e sociedade (Início: 01/01/2013)

O projeto trata das configurações histórico-sociais nas literaturas alemã e brasileira, com ênfase na questão do realismo.

Docentes:

Tercio Redondo Loureiro (responsável)
Stefan Wilhelm Bolle
Helmut Galle

 

Literatura e conhecimento (Início: 01/01/2013)

Pesquisa sobre textos da literatura alemã (e brasileira) que apresentem reflexões sobre as relações entre a literatura, a beleza e o conhecimento. Abrange pesquisas teóricas com ênfase nos aspectos cognitivos da literatura.

Docentes:

Juliana Pasquarelli Perez (responsável)
Helmut Paul Erich Galle

 

Literatura, Subjetividade e Cultura (Início: 01/01/2014)

A Literatura como forma de expressão e produção de conhecimento acerca do sujeito e sua inserção na cultura. Os limites entre a narrativa biográfica, histórica e ficcional. Relações da Literatura com áreas afins ao estudo da interseção “subjetividade e cultura”, tais como Psicanálise, Filosofia, e Ciências Humanas.

Docentes:

Pedro Heliodoro Tavares (responsável)
Luciana Villas-Bôas

 

O trabalho com documentos em língua alemã em bibliotecas e arquivos históricos (Início: 01/01/2014)

O projeto visa a desenvolver e adaptar métodos de pesquisa e processamento de documentos históricos e obras literárias em língua alemã guardados em arquivos, entre eles os acervos da Biblioteca Brasiliana e do Instituto Martius Staden em São Paulo, mas também outros arquivos literários no Brasil e no exterior. É dada especial ênfase ao estudo da imagem do Brasil em obras em língua alemã. As formas de processar os documentos são, entre outras, catalogação, descrição, editoração, avaliação, tradução, divulgação.

 

Docentes:

José da Silva Simões (responsável)
Celeste Ribeiro de Sousa

 

Literatura e Imaginário Político (Início: 01/08/2015)

O projeto investiga o papel desempenhado pela Literatura na elaboração do imaginário político; seja na definição de comunidades imaginárias como a nação, ou a esfera pública, seja na visibilização de figuras e conceitos políticos (Estado, soberania, ou humanidade).  Explora-se a relação entre Literatura, Filosofia Política e Ciências Sociais, com ênfase particular na fronteira entre público e privado, a codificação da intimidade e das emoções.

Docentes:

Luciana Villas-Bôas (responsável)
Stefan Wilhelm Bolle

 

Literatura e Historiografia (Início: 01/01/2015)

A proposta consiste em estudar aspectos da modernidade, no âmbito das culturas brasileira e alemã, através de obras da literatura e da historiografia. Trata-se de temas tais como a função social e política da literatura e da historiografia, conceitos de cultura e civilização, as relações entre fatores estéticos e documentais, ficção e factualidade, poética dos gêneros, relatos de viagem e transferências culturais.

Docente:

         Stefan Wilhelm Bolle (Responsável)

 

C - O ESTUDO DA LÍNGUA ALEMÃ EM CONTEXTO BRASILEIRO

Descrição: Estudo dos sons (estruturas fonológicas), palavras (morfologia, lexicologia, fraseologia), estruturas gramaticais (sintaxe), tipos de textos e padrões pragmáticos da língua alemã com base na Gramaticalização, Gramática de construções e da teoria da valência sintática e semântica.

Projetos:

Lexicografia: frasemas verbais (Início: 01/01/2013)

Estudos preparatórios para a elaboração de um dicionário bilemático alemão-português e português-alemão de construções com verbo suporte, colocações e expressões idiomáticas.

Docentes:

Maria Helena V. Battaglia (responsável)
Eva Maria Ferreira Glenk

 

A classe de palavras invariáveis no alemão (Início: 01/01/2013)

O estudo das palavras invariáveis como advérbios, partículas, preposições, conjunções e marcadores discursivos.

Docentes:

Eliana Fischer (responsável)
Maria Helena V. Battaglia

 

Construções: abordagens teóricas (Início: 01/01/2013)

O levantamento e o estudo de construções lexicais, morfossintáticas e textuais do alemão, vistas e analisadas sob a perspectiva de vertentes da linguística cognitiva, em especial da gramática de construções e dos princípios da gramaticalização. 

Docentes:

Eva Maria Ferreira Glenk (responsável)
Maria Helena V. Battaglia
Eliana Fischer
José da Silva Simões

 

D - O ALEMÃO COMO LÍNGUA ESTRANGEIRA: ENSINO E APRENDIZAGEM

Descrição: Aquisição da competência gramatical e da competência comunicativa do falante não-nativo de alemão como LE e sua acomodação na área de ensino e aprendizagem de LEs.

Projetos:

Materiais didáticos e planejamento de curso (Início: 01/01/2013)

Análise de propostas curriculares para o ensino de alemão como língua estrangeira com foco especial para as necessidades dos alunos e professores no Brasil. Estudo das condições de produção, circulação e recepção de materiais didáticos de alemão no contexto brasileiro.

Docentes:

Dörthe Uphoff (responsável)
Paulo Sampaio Xavier de Oliveira

 

Processos de aquisição de línguas estrangeiras e seus desdobramentos para o ensino de alemão como língua estrangeira (Início: 01/01/2013)

Estudo dos processos cognitivos envolvidos na aquisição e aprendizagem de alemão como língua estrangeira, com especial destaque para aprendizes brasileiros de alemão.

Docentes:

José da Silva Simões (responsável)
Dörthe Uphoff

 

O ensino do alemão para fins específicos (Início: 01/01/2013)

Análise, elaboração e aplicação de métodos e materiais para o ensino do alemão para fins específicos, isto é, leitura de textos especializados e alemão acadêmico.

Docentes:

Eva Maria Ferreira Glenk (responsável)
Dörthe Uphoff

 

 

Atualizado em 25/11/2016