Graduação Pós-Graduação Pesquisa Extensão Biblioteca Intercâmbios Comunicação A FFLCH  
Skip to Content

Imagem

Guia para o Aluno

Nosso aluno típico caracteriza-se por não ter conhecimentos prévios de Italiano. Dessa forma, o objetivo geral das disciplinas de Língua Italiana é o desenvolvimento da competência linguística do estudante nas habilidades básicas, a saber: ouvir, ler, falar, escrever e traduzir.

Os estudos de literatura italiana têm início no segundo semestre da grade específica do italiano. Munidos de um conhecimento básico da língua os estudantes podem iniciar seu trabalho com os textos literários na língua original, o que favorece, como é de se esperar, uma integração gradual entre as diversas competências que vão sendo adquiridas ao longo do curso, possibilitando assim a interligação e complementação mútua entre os estudos de língua, literatura e tradução, no contexto da aquisição do italiano como língua estrangeira.

A estrutura dos estudos de Literatura leva em conta o pressuposto fundamental de que o estudante brasileiro aprende Italiano como língua estrangeira e que, portanto, sua leitura, percepção e recepção de um texto literário em Italiano são essencialmente diferentes das do falante nativo.

Os estudos de Literatura Italiana se desdobram em duas etapas: a primeira, constituída por dois cursos de uma aula semanal cada (“Tópicos da literatura” I e II), visa a fornecer ao aluno uma visão de conjunto da produção literária italiana, em sua seqüência histórica e por meio de uma estreita integração de história, língua, cultura e produção artístico-literária.

Uma vez construída essa visão de conjunto, inicia-se a segunda etapa, passando-se às disciplinas “das literaturas” propriamente ditas. Trata-se de cursos de duas aulas semanais cada, que objetivam criar uma competência específica em literatura italiana em forte vinculo com os estudos da teoria literária, de maneira que o estudante poderá ter não só um conhecimento aprofundado das obras e dos autores mais significativos da literatura italiana, mas também uma competência interpretativa e crítica para o seu exame, sua interligação com a literatura brasileira. Essas disciplinas são cursadas de maneira que o estudante enfrentará o estudo dos textos mais antigos (que também apresentam maior complexidade lingüística) à medida que sua proficiência lingüística for aumentando.

Uma série de disciplinas optativas completam o quadro, buscando abordar outros aspectos da literatura, como o diálogo com outras linguagens (cinema e teatro) ou com as outras literaturas em aspectos específicos.

Mediante o estudo da cultura estrangeira, portanto, através do contato com o outro, procura-se desenvolver a capacidade crítica do estudante no sentido de permitir-lhe, também, um conhecimento diferenciado de seu próprio mundo.

As disciplinas optativas oferecidas por nossa área visam a aprofundar questões específicas da língua, literatura e cultura italianas.

Ao fazer a inscrição no Curso, o aluno tem a opção entre o período matutino (08:00 - 11:40) e o período noturno (19:30 - 22:40).