Graduação Pós-Graduação Pesquisa Extensão Biblioteca Intercâmbios Comunicação A FFLCH  
Skip to Content

Adrián Pablo Fanjul

Imagem

 

Professor Doutor em regime de dedicação exclusiva (RDIDP) Orientador de Mestrado e Doutorado. Bolsista de produtividade nível 2 do CNPq.

Formação profissional:

Profesor en Castellano, Literatura y Latín pelo Instituto Nacional Superior del Profesorado (1991), de Buenos Aires, Argentina.

Magíster (mestre) en Ciencias del Lenguaje (1998) pela mesma instituição, diploma convalidado pela USP em 2000.

Doutor em Lingüística e Língua Portuguesa pela UNESP-Araraquara (2002).

Pós-doutorado na Universidad de Buenos Aires, com bolsa da FAPESP (2006)

 

Atividade acadêmica

Docente do DLM desde 2000 e orientador na pós-graduação desde 2002.. Atuou, também, como convidado em diversas universidades da Argentina e do Brasil, e em convênios de cooperação internacional. Coordena atualmente o acordo Centros Associados para Fortalecimento da Pós-Graduação Brasil/Argentina com a Universidad Nacional de Córdoba.

 

Área de pesquisa e projetos em desenvolvimento

Atualmente desenvolve dois projetos de pesquisa:

 

As instâncias de pessoa na discursividade. Perspectiva comparada em domínios discursivos da   Hispano-América e do Brasil.

Formulamos a categoria analítica de “instâncias de pessoa” como generalizadora para descrições sobre as entidades e vozes apresentadas na e pela enunciação. Sob a hipótese de que o estudo de suas configurações, na contraposição comparativa de discursividades, enseja potencial explicativo sobre a memória discursiva e sua regulação, promovemos pesquisas sobre domínios de diverso tipo na Hispano-América e/ou em comparação com o Brasil.

 

Funcionamento da enunciação no português brasileiro e no espanhol

Estudo comparativo de aspectos específicos do funcionamento lingüístico que intervêm de modo crucial, segundo o observado nas pesquisas sobre discursividade, na conformação de regularidades que indicam tendências diferenciadas para os falantes de cada uma das duas línguas.

 

Principais publicações (ordem cronológica decrescente)

LIVRO: Espanhol e português brasileiro. Estudos comparados. Co-organizadora: Neide M González. São Paulo: Parábola, 2014.

CAPÍTULO: “Life Trajectories and Dejuvenilization in Argentine Rock.” In: Vila, P. (ed): Music and Youth Culture in Latin America. New York: Oxford University Press, 2014, p. 261-283.

ARTIGO: “De lo fórico a las perspectivas en la enunciación. Análisis de construcciones presentativas definidas en español.” In: Cadernos de Letras da UFF, vol 49, 2014, p. 197-216. Disponível em: http://www.cadernosdeletras.uff.br/images/stories/edicoes/49/artigo9.pdf

ARTIGO: "Tallado y demarcación: composiciones transpuestas entre el rock de Brasil y de Argentina." In: Lingua(gem) em discurso, 13-2, 2013, p. 359-381. Disponível em:  http://www.portaldeperiodicos.unisul.br/index.php/Linguagem_Discurso/article/view/1156/1215

ARTIGO: “Os gêneros ‘desgenerizados’. Discursos na pesquisa sobre español no Brasil.” Em: Bakhtiniana, No. 7, 2012, pág. 46-67. Disponível em:http://revistas.pucsp.br/index.php/bakhtiniana/article/view/8947/7545

ARTIGO: “Proximidad lingüística y dimensión glotopolítica. Discursos sobre heterogeneidad y usos en el ámbito de español en Brasil.” Em: Quo Vadis Romania?, v. 39. Univ. de Viena, 2012, p. 100-114.

CAPÍTULO: “Policêntrico e Pan-hispânico. Deslocamentos na vida política da língua espanhola.” Em: Lagares, Xoán e Bagno, Marcos: Políticas da norma e conflito lingüístico. São Paulo, Parábola, 2011, p. 299-331

CAPÍTULO: “La práctica gramatical y el problema de la referencia en la enseñanza de español a brasileños”. Em: Costa, Elzimar y Barros, Crsitiano:Espanhol. Coleção Explorando o ensino, vol. 16. Brasília, MEC, 2010, p. 233-264. Disponível em http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=16903&Itemid=1139

LIVRO: Lenguas en un espacio de integración. Acontecimientos, acciones, representaciones. Co-organizadores: María Teresa Celada, Susana Nothstein. Editorial Biblos, Buenos Aires. 2010.

ARTIGO: “Proximidad lingüística y memoria discursiva. Reflexiones alrededor de un caso.” Signo y Seña, No. 21, 2009, pág. 188-205.

ARTIGO: “Acúmulos e vazios da pesquisa sobre o rock da Argentina”. Revista Latin American Music Review.Nº 29-2. fall/winter 2008. Pág. 121-143. Disponível também em: http://muse.uq.edu.au/login?uri=/journals/latin_american_music_review/v029/29.2.fanjul.html

ARTIGO: “Ecos de mercado en docentes-alumnos de E/LE en Brasil. Repeticiones y ausencias.” Revista electrónica Signos E/LE, número de marzo de 2008. Universidad del Salvador. Argentina. http://www.salvador.edu.ar/sitio/signosele/articuloanterior.asp?id=4

ARTIGO “El contacto portugués brasileño–español desde la discursividad. Focalizando procesos enunciativos”. Revista Lingüística, nº 14, da ALFAL (Associação de Lingüística e Filologia da América Latina, 2004, p. 13-36

ARTIGO: “Português brasileiro, espanhol ...de onde? Analogias incertas”. Revista Letras & Letras, nº 20-1, jan / jun 2004, p. 165-183. Disponível em:http://www.letraseletras.ileel.ufu.br/viewissue.php?id=6

ARTIGO: “Processos enunciativos no contato português brasileiro–espanhol. Experimentação sobre as modalizações de possibilidade e certeza”.Trabalhos em Lingüística Aplicada, nº 40, jul-dez. 2002, p. 71-86.

LIVRO: Português e Espanhol: línguas próximas sob o olhar discursivo. Ed. Claraluz, 2002

 

Outros textos on line de interesse:

Sobre o rock da Argentina:

“Entre chacales y joguetes perdidos. Discursivização da resistência em uma etapa do campo do rock na Argentina.” Em: Anais do I Congresso Internacional de Estudos do Rock, Cascavel: 2013: http://www.congressodorock.com.br/evento/anais/2013/artigos/2/artigo_simposio_1_60_adrianpf@yahoo.com.pdf

“Topografías del artista y desestabilización enunciativa en el rock de Argentina” Em: Atas do VII Congresso Brasileiro de Hispanistas. Salvador, 2013: https://drive.google.com/file/d/0B_fPPa-m93xDaGJyTFozZ3FfVG8/edit

“Loucura, realidade e deslocamento em cenografias pioneiras do rock”. Em: Anais do V Congresso Brasileiro de Hispanistas e I Congresso Internacional da Associação Brasileira de Hispanistas. Sara Rojo ET. AL. (org.). Belo Horizonte: UFMG, 2009, pág. 2239-47.http://www.letras.ufmg.br/espanhol/Anais/anais_paginas_%202010-2501/Loucura_realidade.pdf

“Escenas enunciativas en la representación de la violencia de estado en el rock de Brasil y Argentina”. Em: Actas completas del IV Coloquio de Investigadores en Estudios del Discurso y I Jornadas Internacionales de Discurso e Interdisciplina. Córdoba. 16 a 18 de abril de 2009, p. 194-205. [http://www.fl.unc.edu.ar/aledar/index.php?option=com_wrapper&Itemid=47] Procurar no arquivo único pelo número da página

 

Sobre política linguística:

“El volantín de Os. Crónica entre lenguas.” Em: http://addenda-et-corrigenda.blogspot.com.br/2013/05/el-volantin-de-os-cronica-entre-lenguas.html

 “Suya, la lengua”.Em:  http://addendaetcorrigenda.blogia.com/2007/032801-suya-la-lengua.php

 

Contato

Sala 26
(11) 3091-5004
adrianpf@usp.br